domingo, 11 de setembro de 2016

Sabes o que é um "wellness advisor"?

No ginásio que frequento, há funcionários com uma função cujo nome considero bastante interessante: “wellness advisor”. Traduzindo, "conselheiro de bem-estar". Basicamente, a função do “wellness advisor” é contribuir para um maior bem-estar. Da conta bancária do ginásio. Peço desculpa, posso ter-me precipitado. A função do “wellness advisor” é contribuir para um maior bem-estar das pessoas. Das pessoas que contribuem para o bem-estar da conta bancaria do ginásio. Numa empresa sem qualquer tipo de classe, poderia ser um “comercial”. Mas, justiça seja feita ao meu ginásio, a pinta da casa não admite comerciais. Só “wellness advisors”.

(Michael Havens/Flickr)
Dir-me-ão: o teu ginásio é todo moderno. De facto, é, mas não nestas coisas: estou em condições de afirmar que quem introduziu o “wellness advising” em Portugal não foi o meu ginásio. Foi a dona Rosalinda Pedrouços, natural de Godinhaços, que escreveu, em 1952, o livro “Conselhos para o Bem-Estar e Mezinhas Diversas”. Mãe de cinco filhos, avó de doze netos, esta senhora está para o “Wellness Advising” como o Einstein para a Física, Steve Jobs para a electrónica de consumo, ou Gustavo Santos para as cenas da vida, em geral.

Fiquemos com alguns dos conselhos mais emblemáticos desta adorável senhora.

"De finais de Agosto a finais de Maio, leva um casaquinho, se saíres à noite"
"O meu Armando estava sempre doente e nem era por andar pelo meio do milho, com a Joaquina, porque o Manel também andava. Não era com a Joaquina, era com outra moça. Mas levava sempre o casaquinho e nunca estava doente."

"Não andes ao sol sem chapéu"
"Uma vez, o meu marido andou a tarde toda ao sol, no campo, sem chapéu. Ficou tão atarantado das ideias que, a caminho de casa, apalpou a nossa vizinha a pensar que era eu. E nós nem somos parecidas."

"O mar e o ar do mar fazem bem aos ossos"
"Passeia junta ao mar e molha os pés, que os ossos ficam mais rijos. Só tem cuidado com o f**** da p*** do peixe-aranha."

"Deitar cedo e cedo erguer…"
"O meu Jorge gosta tanto de se deitar cedo que, quando vai à tasca à noite, no caminho de volta já nem chega a casa e fica a dormir na rua, no chão. Só não percebo porque é que vomita sempre que faz isso."

"O pequeno-almoço é a refeição mais importante do dia"
"O meu Joaquim gosta tanto do pequeno-almoço que toma três. Ao segundo já mete bagaço na cevada, ao terceiro come bacalhau frito."

"Come fruta"
"O meu Manel sempre foi muito forte. Come seis maçãs por dia. E quatro bananas. E uma garrafa de vinho, para enrijecer. Porque o vinho, ao fim e ao cabo, é uva."

"Come sopa"
"O meu Manel come a sopa toda. Deita-lhe muito vinho, mas isso é só porque lhe custa a digerir a cenoura."

"Não comas muitos fritos"
"O meu Tone comia muitos fritos, andava a engordar. Passou a comer a sopa com vinho que o Manel come e agora está com problemas de fígado. É porque é o moço é frágil."

"Não durmas ao fim de comer, que te faz mal à digestão"
"O meu marido às vezes, adormece ao fim do almoço e depois fica mal disposto. Mesmo que tenha comido pouco. Na última vez em que isso aconteceu, só tinha comido um frango e meio e bebido uma garrafa de vinho."

"Não durmas de janela aberta, nem no Verão"
"Podem entrar mosquitos. No quarto da minha Esmeralda até chegou a entrar um moço cá da vila com quem ela andava a namoriscar."

"Pratica desporto"
"O meu Joaquim pediu a pai para o deixar jogar à bola no clube da terra. O pai, orgulhoso, perguntou-lhe se ele gostava de exercício físico e o rapaz respondeu que sim. O pai pôs-lhe logo uma enxada na mão."

3 comentários:

  1. Ola, adorei o post:)
    Newpost:http://openklosetfashion.blogspot.pt/2016/09/new-sundays-brunch-with-pool-access-at.html#disqus_thread
    Kisses Karina

    ResponderEliminar